Ipiaú completa 78 anos

Nesta sexta-feira, dia 02 de dezembro, o município de Ipiaú, situado à 353 quilômetros de Salvador, comemora seus 78 anos de emancipação política. A economia de Ipiaú, como a de toda a região cacaueira, tem por carro chefe a lavoura do cacau.

ORIGEM- Antes a região era habitada pelos índios Tapuias, quando surgiram os primeiros desbravadores. O lugarejo foi chamado de Rapa-tição (corruptela da palavra "Repartição", pois no arraial funcionava um posto de arrecadação de tributos fiscais. A 1º de agosto de 1916, Rapatição passou à categoria de distrito, com o nome de Alfredo Martins, pertencente a Camamu. Em 1930 foi elevado a sub-prefeitura, com o nome de Rio Novo e em 1931 foi desmembrado de Camamu e anexado a Jequié.

No ano de 1933 foi criado o município de Rio Novo, cuja denominação se explica devido às modificações no leito do Rio Água Branca, afluente do Rio das Contas, que banha aquela região. Mais tarde, exatamente em 31 de dezembro de 1943, uma reformulação administrativa impôs a mudança do nome de Rio Novo, ao proibir a existência, no Brasil, de duas localidades com a mesma denominação. Assim, surgiu o novo nome Ipiaú, que quer dizer "rio novo" na língua tupi.

Comentários

    Não há comentário

Comentar