Plataforma da Petrobras começa a operar este ano no pré-sal de Santos

Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019
Fonte: Bahia.ba
Crédito da Foto: Divulgação

A plataforma P-68, uma unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás (FPSO), deixou o Estaleiro Jurong Aracruz, no Espírito Santo, rumo aos campos de Berbigão e Sururu. Ela irá operar no pré-sal da Bacia de Santos, com previsão de início de produção no quarto trimestre deste ano.

De acordo com a Petrobras, a P-68 será a quarta plataforma a entrar em operação em 2019, após a P-67, a P-76 e a P-77. A plataforma tem a capacidade de processar 150 mil barris/dia de óleo e processar 6 milhões de m³/dia de gás, além de armazenar 1,6 milhão de barris de óleo em seu compartimento.

Os campos de Berbigão e Sururu estão localizados na concessão BM-S-11A, operada pela Petrobras (42,5%), em parceria com a Shell Brasil Petróleo Ltda. (25%), a Total (22,5%) e a Petrogal Brasil S.A. (10%), sendo as empresas consorciadas as proprietárias da P-68. Os reservatórios desses campos se estendem para áreas sob o Contrato de Cessão Onerosa (100% Petrobras).

* Por Douglas Corrêa

Comentários

    Não há comentário

Comentar