Obras de infraestrutura fortalecem turismo em Morro de São Paulo

Conhecida pelas belas praias, vegetação e por seu valor histórico e cultural, Morro de São Paulo, distrito de Cairu, está ainda mais bonito após as obras de infraestrutura realizadas no local. Com ruas e praças pavimentadas, moradores e turistas podem caminhar com mais facilidade.

Nativa mais antiga da ilha, a artista plástica Edite Bruni, 90 anos, afirmou nunca ter visto uma obra tão significativa no distrito. Segundo ela, ficou mais fácil se locomover, já que o local antes não era pavimentado e a areia dificultava a locomoção, principalmente dos idosos. “Qualquer lugar que íamos ficávamos com as pernas sujas de areia, cansada. Ficou maravilhoso”. 
 
Nos serviços, executados pela Companhia de Desenvolvimento Urbana do Estado da Bahia (Conder), foram investidos recursos da ordem de R$ 4 milhões, oriundos do Programa de Desenvolvimento Turístico do Nordeste (Prodetur/NE II). Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano, Cícero Monteiro, as intervenções realizadas incluíram obras de paisagismo, pavimentação e drenagem de praças, largos e ruas, a construção de escadarias e de um centro comunitário. 
 
Os serviços de paisagismo foram realizados nas praças Aurelino Lima, da Amendoeira e da Primeira Praia, e também nos largos da Fonte Grande e da Mangaba. As ruas Nossa Senhora da Luz, da Biquinha, da Prainha e da Fonte Grande receberam obras de pavimentação. A intervenção incluiu ainda a construção da escadaria e mirante do farol, de uma passarela na Segunda Praia e do Parque da Lagoa.
 
“Estas ações deram mais conforto aos turistas e aos moradores. Achei muito bonito e os turistas comentam que também gostaram. Morro precisava destas intervenções”, disse o empresário Claudio Pita, 47 anos, que nos tempos de folga aproveita para descansar com toda família em Morro de São Paulo.
 
Todas as praças contam com deque em madeira, pergolado em troncos de eucalipto e bancos de madeira. São também de madeira, os guarda-corpo das escadas de acesso aos deques. Os serviços de pavimentação foram executados em bloco de concreto pigmentado intertravado e solo cimento para piso. Todos os caminhos que dão acesso às áreas de valor histórico e cultural foram executados em pedra de basalto e na construção das escadarias usados troncos de eucalipto.
 
Intervenções beneficiam cinco mil moradores da ilha
 
O secretário de Turismo, Domingos Leonelli, afirmou que a obra visa intensificar ainda mais o turismo em Morro de São Paulo, destino que atrai visitantes de todas as partes do mundo, principalmente europeus. A obra beneficia mais de cinco mil pessoas moradores da ilha.
 
Por se tratar de uma ilha, onde existem áreas de valor histórico e cultural e monumentos tombados pelo Instituto do Patrimônio, Histórico e Artístico Nacional (Iphan), foram adotados cuidados especiais na elaboração do projeto e na execução dos serviços, além da preservação da vegetação. 
 
“Morro é um dos cinco lugares da Bahia mais conhecido do Brasil e uma dádiva de Deus. Por isso, é uma obrigação do Governo do Estado fazer intervenções sem degradar e sem tirar as características do local, melhorando as condições daqueles que querem visitar e dos que vivem aqui. O que estamos fazendo é melhorar as condições de infraestrutura a fim de dar mais conforto as pessoas”, afirmou o governador Jaques Wagner.

Comentários

    Não há comentário

Comentar