Prefeitura amplia prazo para empresas de ônibus apresentarem gastos

 A prefeitura ampliou para o final do mês o prazo para divulgar as planilhas de gastos das empresas de transporte público de Salvador.  “Atualmente são 18 empresas atuando, o que dificulta o levantamentos”, disse o secretário municipal de Urbanismo e Transporte, José Carlos Aleluia. Segundo ele, a planilha que existe está defasada.

“A ideia é tornar público uma fotografia dos custos de manutenção, depreciação, de pessoal, combustível e encargos, por exemplo”. Do outro lado, o presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps), Horácio Brasil, alega que, para fazer a planilha como a prefeitura quer, precisa de especialistas e isso demanda tempo.
 

Comentários

    Não há comentário

Comentar